domingo, 15 de Novembro de 2009

Já por cá não passava algum tempo. Não por não quer mas porque o tempo não tem ajudado, em 10 meses a minha vida deu uma grande volta, toda a minha rotina, responsabilidade…enfim tudo teve de ser diferente. Como o velho ditado diz a vida jamais volta para trás. Este sem dúvida esta a ser o ano mais complicado da minha vida, este ano já perdi a pessoa mais importante da minha vida, mudei duas vezes de cidade, e hoje estou longe da minha família e amigos. Devem estar a pensar porque estou longe…como já vos tinha dito estava a acabar o meu 12ano e tinha todos os exames nacionais para fazer. Pois muito bem, conclui o 12ano e chegou a altura de entrar na faculdade. Entrei em Coimbra em gerontologia Social, para a maioria das pessoas que não sabe do que se trata, a gerontologia e’ uma área que trata os idosos, a sua animação, os primeiros cuidados de saúde. O pior e’ que não gostei do curso, mas o mesmo não posso dizer da cidade, Coimbra e’ um lição de sonho e tradição, foi então que concorri para enfermagem e o sitio onde tinha mais vagas e curiosamente eu entrei foi nos Açores, mais propriamente na ilha da terceira, na cidade de Angra do Heroísmo. Mas que diferença, hein? E ca estou eu a escrever vos desta ilha pequenina, onde acaba Europa, onde as pessoas são simpáticas e falam um pouco diferente, onde num dia pode fazer as quatro estacões.



E’ por estar cá a estudar que estou longe de todas aquelas pessoas que gosto, mas por um grande e único motivo, fazer aquilo que gosto, quero ser enfermeira. Foi quando estava no hospital com a minha mãe que descobri que queria fazer isto da minha vida, e hoje quero ser uma grande enfermeira, vou tentar fazer tudo por isso.

Vi todas as vossas mensagens, que agradeço do fundo do coração, não imaginam a forca que me dão quando as leio. Alem de não conhecer a maioria das pessoas que escrevem neste cantinho não deixo de me cativar e impressionar com toda a simpatia .

De Viana, a Coimbra e ao Açores posso dizer que conheci pessoas e vivi momentos que jamais esquecerei.
Hoje choramos…amanha sorrimos…hoje temos dinheiro…amanha nem por isso…hoje Trabalhamos…amanha descansamos…hoje estamos aqui…amanha estamos lá. O TEMPO NÃO ESPERA POR NINGUEM, ESTAMOS AQUI DE PASSAGEM. Por favor sejam felizes e aproveitem a vida ao máximo, eu estou a fazer por isso, façam o mesmo.

domingo, 14 de Junho de 2009


Já faz muito tempo que não escrevia! Podia estar para aqui com milhentas desculpas, que tenho muitos exames para fazer, uma casa para organizar...enfim a verdade é que ando sem coragem vos vir dizer alguma coisa. Sabem que não é muito facil escrever neste cantinho tão especial, mas ao mesmo tempo tão dificil "enfrentar". Ás vezes dizem que o tempo cura todas as feridas, será?Vejo que este blog continua a ser assiduamente visitando, o que me deixa como escritora e filha da Nanda muito FELIZ.
Queria mostrar-vos um pouco do que ando a fazer, pois, porque além de não o mostrar não ando parada. hihihi


Vou mostrar-vos passo-a-passo como fazer uma deliciosa Bomba de Morangos:):



Começam por forrar uma taça redonda com papel de aluminio e em seguida cortam torta(neste caso utilizei com sabor de morangos) não muito fina para o creme não passar. Ao mesmo tempo poe.se 5 folhas de gelatina em àgua fria.




Numa panela pequena colocam os morangos (cerca de 500gr) com o acuçar(até os morangos ficarem exageradamente doces hihihi) e um pouco de àgua no fundo a lume brando. Depois de arrefecer um pouco poem se as folhas de gelatina.





Em seguida batem cerca de 500ml de natas(dois pacotes de nata pronta a bater) e eu ponho uma pitadinha de sal.







Depois juntamos tudo, o preparado dos morangos com as natas. Colocamos este preparado na copula de torta.E vai ao frigorifico cerca de um dia.





Depois, desenformamos e decoramos a gosto.




Para decorar utilizei morangos(do meu qintal ehehe) e doce de morango.


Espero que tenham gostado, a receita é estremamente facil de elaborar:)

Agoro deixo um convite para todos os interessados:

No proximo sabado e domingo irá ter lugar uma Feira de artesanato em chafé, na praia da amorosa. Podem apareçer das 10horas as 19horas:) Tenho a certeza que a minha mãe iria adorar ter-vos lá.

Prometo voltar mais assiduamente.

segunda-feira, 23 de Fevereiro de 2009

O primeiro JANTAR!


Hoje venho mostrar um pouco das minha habilidades na cozinha! Mas não fiquem muito entusiasmados pois não são grande coisa.hi..hi.. Agora com os testes, trabalhos, aulas...o meu tempo não é muito, por isso, não tenho cá vindo muitas vezes. Contudo, tenho lido os vossos comentários de carinho, ternura e amizade, aos quais agradeço do fundo do meu coração cada palavra, cada gesto...agora consigo entende porque a minha mãe falava tanto em voces!
Estes dias tenho passado muito tempo com os meus amigos, com a minha avó Maria, com a minha família...estou rodeada por pessoas maravilhosas, pessoas que talves não dava tanto valor, mas sabia que eram muito importantes para mim. A minha avó Maria, a mulher do campo, mostrou-se com uma sensibilidade enorme e um carinho incondicional; a minha turma, que está sempre preocupada comigo, que não me deixa desanimar e mesmo que o meu olho teimoso persista em chorar eles não deixam; os MEIRAS, uma família amorosa da qual temos muita estima, tenho uma enorme amizade por cada elemento da família :); A Fátima, o Toninho e as minhas princesinhas, como é encantadora esta família, como nos ajudam nesta fase tão díficil, como dizia a minha mãe fazem parte da família; o tio Zé, a tia Dite, o Jorge e o meu Miguelito adoro quando depois da escola estou com eles um bocadinho, o futebolista do CHAFÉ como é um miudo carinhoso; A Armanda e a Francisca, como são carinhosas, além de não nos conhecermos á muito tempo, temos laços muito fortes; A Sarinha, o Quim, a Rosa, a Família Viana, amigos de longa data, e que continuam aqui, presentes!; A minha Madrinha, o Ricardo, a Tita e toda essa minha família da qual tanto me orgulho, obrigada por estarem presentes nos piores dias da minha vida; e a minha CREW, os meus amigos do coração, que podem não saber, mas estes dias têm sido muito importantes para mim, a minha tia Olivia, que está a passar por uma fase menos boa, mas que como sabe tem um lugar cativo,e que curiosamente hoje faz anos...enfim devem ser muitas as pessoas que não falei. Estas pessoas que falei, estão AQUI, bem no fundo do coração, acho que nunca lhes tinha dito o verdadeiro valor que tinham para mim e o quanto são e continuam a ser importantes para a minha vida
Enfim, já estou com os olhos a chorar, como são marotos estes individuos. Agora falando na paparoca! O primeiro jantar que fiz em casa foi com a Crew, um grupo de amigos muito especial. As meninas fizeram as entradas e o prato principal e os meninos fizeram as sobremesas.



Uma das entradas, folhados mistos e de salsicha :)



o Resultado final...



outra entradinha.(esta que já é conhecida por todos)



o Fondue de Carne, foi a novidade do jantar!









A nossa MESA




quinta-feira, 15 de Janeiro de 2009

Agradecimento!

Durantes estes dias são muitas as mensagens de apoio que tenho recebido, mensagens emocionadas, mensagens de amor e carinho...enfim palavras que me fazem sentir muito carinho e ao mesmo tempo orgulho! Orgulho por aquilo que a minha mãe foi e continua a ser para mim.
Todos os dias nas mais simples coisas do dia-a-dia sinto a sua presença, sinto que me está a dizer o que fazer...é nessa força que vou buscar aquilo em que acredito! Como ela transmitiu ao longo do seu blog tem um sentido de família muito apurado. Ela fazia questão de tomar o pequeno almoço em família, dizia que era a refeição mais importante do dia, dizia também que sem ele não tinhamos o mesmo rendimento na escola! Sabem que mais? Não consigo ir para a escola sem tomar o pequeno almoço: a torrada, o leite com chocolate e a fruta laminada, como a minha mãe me fazia meticulosamente. Quando chegava da escola estava a preparar o jantar, e enquanto o fazia contava-lhe como foi o meu dia, aquelas pequenas coisinhas que para as outras pessoas poderiam não ter importancia. O meu pai chegava e iamos jantar, não temos televisão na cozinha e isso graças a ela, dizia que era "para promover o dialogo", e é verdade, falamos de tudo um pouco.

Enfim ela faz parte do meu dia em tudo. Por vezes imagino certos rituais que faziamos e penso " como vai ser agora? ". Á pouco tempo tirei as coisas de natal, sabem quantos caixotes temos da decoração de natal? São 15, temos tanta coisa...todos os anos ELA comprava um anjo novo. Então, pus as coisas de natal nos caixotes e coloquei as bogigangas da decoração caracteristica da nossa casa nos seus sítios. Pensam que foi fácil? Não foi nada fácil, ela tinha um jeito especial para pôr as coisas, pareçia que cada coisa estava destinada a um sítio.

São muitos os valores que ELA me transmitiu e são estes mesmos valores que quero transmitir a todas as pessoas que gosto.

Assim como a minha amiga Sara me disse "O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso é que existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis.", ainda preciso muito dela, mesmo muito mas sei que o tempo que passei com ela foi intenso e vou lembrar me sempre dela com muito amor. É sem dúvida uma pessoa incomparavel.

Em breve vou fazer alguma receita, claro que com a ajuda DELA!


terça-feira, 30 de Dezembro de 2008

um ANJO veio do céu!


Quem lê este blog sabe que a minha mãe gosta muito de anjos. A minha casa tem anjinhos por toda a parte, na cozinha, na sala, nas escadas, no escritório...
No dia 28 de Dezembro um anjo veio buscá-la...
Porque o terá feito tão cedo? E porquê a ela? Foram tantas as perguntas que já fiz a mim própria que já cheguei a muitas respostas possiveis. Talvés porque já tinha cumprido o seu papel na Terra, ou talvés precisassem de gente boa no céu, ou até que queriam fazer um grande bolo com muito amor...quem sabe!
O que sei é que ela está lá em cima de certeza e está a olhar para todos nós! Agora até digo que vai saber todos os meus segredinhos...hi..hi..hi
Sabem que mais??? Vou continuar a escrever aqui, claro que não vai ser igual mas prometo fazer o meu melhor. Sei que a minha mãe gostava muito deste blog e inclusive arranjou muitas amizades através dele, como é o caso da Fátima, que desde já agradeço o carinho e dedicação.
Hoje a minha mãe estava coberta por lindas flores de várias cores, feitios e tamanhos. Cada uma mais bonita que a outra! No seu conjunto faziam um arranjo lindo que tenho a certeza que a minha mãe adorou.
Agradeço os comentários e mensagens de apoio. E sabem que mais? Transmitam em tudo alegria  e muito amor. Foi uma das lições que aprendi com ELA.
ELA não morreu apenas foi mais cedo para o céu.


Lembrem-se sempre dela com muita alegria.

ANA

sábado, 13 de Dezembro de 2008

Vamos colorir de verde ESPERANÇA!!!


Hoje este blog vai iniciar de uma forma diferente!!! Vamos colorir esta pagina de verde esperança. Hoje não é a nanda de que tanto se habituaram que está a escrever, a escritora hoje é bem diferente, um pouco mais nova mas com muito amor!
Como já devem ter reparado a Nanda tem-se ausentado um pouco, não que esteja farta de voces?Não. Como tambem já devem ter reparado ela escreve com o coraçao, e uma pessoa assim nunca se farta.

A minha mãe está a passar por uma fase menos boa, mas que rapidamente vai superar. Sabem porquê não sabem?Claro que sabem, como ja repararam ela tem muita energia, muito amor, muita força...mas principalmente uma família e uns amigos que a adoram.

Gostava que todos transmitissem energias positivas, pois assim como diz o meu pai energias positivas atraem energias positivas!

Sim, porque ela tem de ficar rapidamente bem, voces vão voltar a ler as receitas dela, ler aquelas palavras cheias de boa disposição e energia...pode demorar um pouco, mas que isso vai acontecer.
E, enquanto ela não estiver em condições para escrever cá estou eu para vos melgar.







A escritora provisoria

Ana








quinta-feira, 6 de Novembro de 2008

Congro vestido de vermelho para encantar

No fim de semana passado tivemos a sorte de ter a companhia agradabilíssima da minha irmã e cunhado. Passeamos, conversamos, rimos muito. Foi muito bom! No domingo resolvemos ir até ao Castelo do Neiva, um pequeno porto piscatório da freguesia vizinha á nossa. Adoramos ver a chegada dos barcos de pesca e queríamos partilhar essas experiência com eles. É sempre um emocionante observar os homens do mar regressar após uma longa madrugada de trabalho árduo. O cheiro a maresia, a peixe fresco é inesquecível. Ás vezes compramos algum peixito outras não limitando-nos ao prazer de ver. Domingo no entanto viemos carregados de peixe até porque a minha irmã e cunhado adoram peixe e queríamos que aproveitassem para se deliciarem com peixinho acabo de ser pescado. Entre eles trazia um congro, em algumas zonas do pais também conhecido como safio, peixe muito apreciado pelo marido. Depois de amanhado resolvi alegra-lo com um pouco de cor; E como o vermelho casa muito bem com o preto e o branco, pensei porque não?!... Cá está ele bem colorido:


Vamos precisar de:
- 1 posta de congro por pessoa (aqui para 4)
- 3 tomate maduros
- 1 a 2 colheres de polpa de tomate (uso q.b. pimentos)
- 1/2 colher de sobremesa de massa de pimentão (a minha é caseira)
- 1/2 pimento vermelho
- 1 cebola grande
- 3 dentes de alho
- louro, sal
- azeite q.b.

No fundo do tacho colocar o azeite e a cebola ás rodelas. Quando a cebola ficar translucida acrescentar o alho picado finamente, o tomate sem peles nem grainhas cortado aos cubinhos, o pimento sem grainhas cortado aos cubinhos, a polpa de tomate, a massa de pimentão e o louro. Deixar cozer tudo até os legumes ficarem macios, colocar então o peixe e temperar de sal. Deixar cozer lentamente. Servir com batata e legumes cozidos em agua e sal. Servir bem quente.






Apreciação: Este peixe é muito saboroso e casa muitíssimo bem com o sabor do tomate e pimento. O molho fica espesso e levemente aveludado. Fico muito bom. Até a filhota que não é muito apreciadora de congro gostou! Experimentem é muito bom mesmo.










Fonte: uma cozinha minhota